APRESENTAÇÃO ELENCO 2018

Na tarde desta sexta-feira, a Associação Malgi de Esportes apresentou o elenco que vai representar a equipe na temporada 2018. Com onze atletas remanescentes da temporada passada, 16 atletas que iniciam os trabalhos nesta semana foram apresentadas para a imprensa e para comunidade pelotense que esteve presente no ginásio do Profut Esportes Indoor.

Permanecem na equipe a goleira Lele, as fixas Keka e Tuigui, as alas Evelyn, Larissa, Paola, Bruna e Dudinha e as pivôs Dani, Marília e Thais.

No evento também foi apresentado o novo plano de sócios, que busca aproximar ainda mais o associado da Malgi e o plano para investidores, que alem de ajudar um projeto vencedor, terá uma participação social importante.

A equipe segue trabalhando para anunciar mais reforços antes do inicio do Estadual, ainda sem data para iniciar.

Confira o grupo da Malgi para 2018:

  • Goleiras: Lele e Richter;
  • Fixas: Keka e Tuigui;
  • Alas: Bruna, Dudinha, Evelyn, Iara, Jaque, Karina, Larissa e Paola;
  • Pivôs: Cota, Dani, Marília e Thais.

PONTAPÉ INICIAL PARA TEMPORADA 2018

A temporada 2018 inicia oficialmente para a Malgi nesta semana. Na sexta-feira, a equipe pelotense apresenta de forma oficial o elenco para temporada 2018.

A Associação Malgi de Esportes convida para o coquetel de apresentação de seu elenco adulto, que será realizado na sexta-feira (23), no Ginásio do Profut Esportes Indoor, que é a nova casa da Malgi a partir desta temporada.

Durante o evento serão apresentados os novos patrocinadores, o novo plano de sócios, plano para novos apoiadores, renovações e contrações do elenco para temporada 2018, alem das competições a serem disputadas pela equipe nesta temporada.

O coquetel está marcado para às 17h30min, e a apresentação oficial do elenco, a partir das 18 horas.

 

A MALGI ESTÁ DE CASA NOVA

A Malgi está de casa nova, a partir desta temporada a equipe passa a realizar suas atividades no Profut Esportes Indoor. No último sábado (3), foi realizado um evento de confraternização com pais e alunos da escolinha da Malgi, para apresentar o novo local de treinamentos.

Cerca de 100 pessoas participaram do evento, onde os pais puderam conhecer um pouco mais do Profut Esportes Indoor e de como funciona a parceria com a Malgi e um pouco mais da história da Malgi, das competições a serem disputadas nesta temporada. O acordo prevê que os treinos das escolinhas e do grupo principal da Malgi ocorram no ginásio do Profut.

MALGI CONQUISTA COMPETIÇÃO ESTADUAL

O ano de 2018 não poderia ter começado melhor para a Malgi, neste sábado a equipe Pelotense sagrou-se campeã invicta do Jirgs (Jogos Intermunicipais do Rio Grande do Sul) no início das atividades da temporada 2018.

Com uma campanha irretocável, as meninas venceram os quatro jogos que fizeram na competição, balançaram as redes em 15 oportunidades e sofreram apenas um gol. Tendo como grande destaque a pivô Cota autora de cinco gols e quatro assistências na competição e autora do gol da grande decisão.

Primeira fase sem sustos
A primeira fase da competição começou para a Malgi diante da representante de Canoas. Jogando um grande futsal, a Malgi não deu chances para adversárias aplicando logo um 7 a 0 na estreia. Jaque abriu o placar, Eveyn e Dudinha, das vezes cada ampliaram o placar e Larissa e Katha, na segunda etapa deram números finais ao duelo.

O segundo duelo do dia seria diante da forte equipe de Passo fundo e como esperado, a partida foi muito disputada. Tendo como grande destaque a pivô Cota que alem de empatar a partida no primeiro tempo, balançou as redes mais duas vezes no confronto. No final Jaque fez linda jogada individual, passou por duas adversárias e com um leve toque cavou a goleira, definindo a vitória de virada por 4 a 1 e garantindo a Malgi em primeiro lugar da chave A.

Semifinal sem sustos
Com a classificação na primeira posição, a Malgi enfrentaria na semifinal a equipe de Nova Santa Rito, que havia terminado a primeira fase na segunda colocação do chave B. Visivelmente inferiores tecnicamente, as visitantes não assustaram a goleira Lele e a Malgi não demorou para definir o resultado da partida. Logo no inicio, Dudinha fez grande jogada pela direita e chutou cruzado, Tuigui se jogou e mandou a bola para as redes. Pouco tempo depois, Cota recuperou bola na quadra de ataque, driblou a goleira e ampliou o placar. No segundo tempo, Tuigui mais uma vez apareceu, dessa vez para completa passe de Cota e dar números finais a partida, 3 a 0.

Final disputada
Após passar sem sustos pela semifinal, a Malgi reencontraria na decisão a equipe de Passo Fundo, adversária da primeira fase. Como já era de se esperar, a partida foi muito disputada e marcada pela forte marcação da equipe de Passo Fundo, em alguns momentos até com entradas ríspidas.

No fim, assim como no duelo da primeira fase brilhou a estrela de Cota que completou passes cruzado de Larissa para marcar o gol que garantiu o título inédito do Jirgs para a equipe pelotense.

Artilheiras da Malgi:
Cota – 5 Gols
Jaque – 2 Gols
Dudinha – 2 Gols
Evelyn – 2 Gols
Tuigui – 2 Gols

Líderes de Assistências
Cota – 4
Dudinha – 3
Larissa – 1
Marília – 1
Tuigui – 1

Campanha
4 Jogos
4 Vitórias
15 Gols Marcados
1 Gol Sofrido

Primeira Fase
Malgi 7×0 Canoas
Malgi 4×1 Passo Fundo

Semifinal
Malgi 3×0 Nova Santa Rita

Final
Malgi 1×0 Passo Fundo

MALGI REPRESENTA PELOTAS NO JIRGS

Neste final de semana a Malgi inicia a disputa do Jirgs (Jogos Intermunicipais do Rio Grande do Sul). Atual tricampeã dos JAP (Jogos Abertos de Pelotas), a Malgi será a representante pelotense na competição que terá mais cinco municípios participantes e será disputada no Ginásio do Sest SENAT, em Pelotas.

Na chave A da competição, a Malgi terá como adversários as representantes de Canoas e Passo Fundo, enquanto o grupo B é formado por Lavras do Sul, Antônio Prado e Itaqui.

A estreia da equipe pelotense no Jirgs acontece neste sábado (27) às 9 horas da manhã diante de Canoas. Os dois melhores colocados de cada chave avançam as semifinais, o 1º colocado da chave A enfrenta o segundo da B e o primeiro colocado da Chave B, enfrenta o segundo da Chave A.

Para a competição o técnico Maurício Giusti não poderá contar com a capitã Keka, artilheira da equipe na temporada passada com 20 gols, a capitã passou por um procedimento cirúrgico no inicio do mês para corrigir uma lesão no ligamento cruzado anterior do joelho esquerdo, a fixa deve ficar longe das quadra por até oito meses. Alem dela, a ala Paola também não está a disposição, ela também está em fase de recuperação, por conta de uma lesão nas costas. Por outro lado, contará co o retorno da pivô Dani, que não atuou na temporada passada por conta de uma lesão no ligamento cruzado anterior do joelho direito.

KEKA PASSA POR PROCEDIMENTO CIRÚRGICO

Melhor fixa do Estadual 2017 e capitã da Malgi, a atleta Keka passou por um procedimento cirúrgico na sexta-feira (5) para corrigir uma lesão no ligamento cruzado anterior do joelho esquerdo, lesão sofrida ainda na primeira partida das quartas de final do Estadual do ano passado.

Realizado pelo doutor José Raymundo, o procedimento cirúrgico foi considerado um sucesso e a capitã já está na fase de recuperação. A previsão é que Keka fique longe das quadras de seis a oito meses, perdendo assim o primeiro semestre da temporada.

Agora a Malgi busca ajuda da comunidade pelotense para bancar os custos do procedimento cirúrgico. Para custear os gastos no procedimento a Malgi criou uma vaquinha virtual. Que pode ser acessada através de www.vakinha.com.br/vaquinha/ajude-no-tratamento-da-keka

Mesmo com a lesão sofrida em 2017, Keka terminou a temporada como a artilheira da Malgi. Foram 20 gols e 14 assistências em 27 jogos, números que a credenciaram a ser eleita a melhor fixa do Estadual.

KEKA É ELEITA MELHOR FIXA DO ESTADUAL 2017

Artilheira e líder de assistências da Malgi, a fixa Keka foi eleita neste domingo a melhor jogadora da posição no Estadual 2017. Autora de 16 gols e 7 assistências na competição, a fixa de 20 anos venceu a concorrência com campeã Estadual e craque da competição Dani Sousa (Celemaster) e de mais três adversárias, tendo 63% dos votos. Keka ainda concorria ao prêmio de craque do campeonato, vencido pela também fixa Dani Sousa, campeã Estadual pela Celemaster Uruguaianense.

“Para mim foi meio que inesperado, por que se for olhar os nomes que estavam concorrendo comigo eu pensei que não seria a escolhida, mas fiquei muito feliz. Embora o nosso objetivo que era o título não tenha sido alcançado, esse prêmio mostra que nosso trabalho vem sendo bem feito”, comentou a fixa e capitã da Malgi.

Alem das indicações de Keka, a Malgi ainda concorria a mais sete prêmios, melhor goleira e revelação, com Gleiskelly (Lele), melhor ala com Dudinha e Paola, melhor pivô com Thais, melhor técnico com Maurício Giusti e melhor comissão técnica.

Confira os vencedores de cada categoria:

Melhor Goleira
Lais (Celemaster)
Lele (Malgi)
Lídia (Cometa Rodeio Futsal)
Claudia (Cometa Rodeio Futsal)
Nathalia (AMF)
Renata (ACBF)
Bruna (ACBF)

Melhor Fixa
Dani Sousa (Celemaster)
Keka (Malgi)
Mayara (ACBF)
Dani Fleitas (Celemaster)
Laine (Cometa Rodeio Futsal)

Melhor Ala
Pati (ACBF)
Marcella (ACBF)
Jaque (Celemaster)
Mariane (Cometa Rodeio Futsal)
Dudinha (Malgi)
Gabriela (Celemaster)
Carla Dalla Cort (Cometa Rodeio Futsal)
Paola (Malgi)

Melhor Pivô
Becha (Celemaster)
Patrícia (ACBF)
Elaine (Cometa Rodeio Futsal)
Thais (Malgi)
Cota (ACBF)

Revelação
Carla (Cometa Rodeio Futsal)
Lele (Malgi)
Jaque (Celemaster)
Patrícia (ACBF)
Nathalia (AMF)

Craque
Gabi (ACBF)
Dani Sousa (Celemaster)
Keka (Malgi)
Elaine (Cometa Rodeio Futsal)

Melhor Técnico
Jeferson (Cometa Rodeio Futsal)
André Malfussi (Celemaster)
Henrique (ACBF)
Maurício Giusti (Malgi)

Melhor Comissão Técnica
Celemaster
ACBF
Malgi
Cometa Rodeio Futsal

DESPEDIDA DE CABEÇA ERGUIDA

A Malgi se despediu nesta quinta-feira da Taça Brasil Sub-20. Em Iranduba (AM), as representante gaúchas na competição fizeram um jogaço contra favorita ao título Leoas da Serra (SC) e deixaram a quadra com um empate amargo, após ser superior em grande parte da partida.

Valendo uma vaga na semifinal da Taça Brasil Sub-20, o duelo entre Malgi e Leoas da Serra começou muito pegado. Com entradas duras e forte marcação, os primeiros minutos foram muito intensos e de pressão da Malgi.

A primeira chance de gol da Malgi veio em cobrança de falta de Thais que a goleira defendeu. Na sequencia foram ao menos mais três grandes chances de gol, que pararam na goleira adversária. A resposta da Leoas foi certeira, em jogada rápida pela direita as catarinenses abriram o placar. No minuto seguinte, Evelyn fez grande jogada na área e a bola sobrou para Larissa que chutou, a defensora da Leoas evitou o gol com a mão e o árbitro marcou pênalti. A goleira Kauana que saiu do banco para fazer a cobrança, soltou a bomba no ângulo e deixou tudo igual. Pouco depois Jaque aproveitando rebote quase virou o placar. No lance seguinte Keka arriscou da direita e a goleira espalmou para escanteio.

O tempo passava e a Malgi seguia em cima das catarinenses, mas a bola teimava em não entrar, Larissa de fora da área passou perto, Jaque pela direita também tentou mas não conseguiu tirar o empate do placar na primeira etapa.

O segundo tempo começou com a mesma intensidade do primeiro, com as duas equipes marcando forte os primeiros minutos foram de faltas e poucas oportunidades. A Malgi foi quem assustou primeiro, Lele arriscou para defesa da goleira. Pouco depois foi a vez das catarinenses chegarem com perigo e Lele fazer grande defesa.

A Malgi precisava vencer para se classificar e se chegou a virada em jogada ensaiada de escanteio que terminou no gol de Jaque. O resultado eliminava as Leoas da Serra, que com 10 minutos no relógio passou a usar a goleira linha. A tática da Leoas estava sendo bem defendida pela Malgi até os últimos minutos. Mas quando o relógio marcava dois minutos para o fim, as catarinenses marcaram o segundo gol. A Malgi ainda tentou buscar o terceiro gol, que daria a classificação, mas não conseguiu alterar o placar.

Com o empate a malgi se despede da Taça Brasil Sub-20 na terceira posição do Grupo A com 7 pontos, mesmo número de pontos da Leoas da Serra (SC), que passou para próxima fase nos critérios de desempate.

Agora a Malgi deixa Manaus e retorna para Pelotas, onde no próximo mês inicia a disputa do Jirgs.

Campanha da Malgi
3 Jogos
2 Vitórias
1 Empate
1 Derrota
Aproveitamento 58,33%

Tabela de Jogos da Malgi:
1ª Rodada – Associação Desportiva Arsenal (AM) 0x4 Malgi – (26/11/17, 23h)
2ª Rodada – Minas Brasília Tênis Clube (DF) 2×0 Malgi – (27/11/17, 21h30)
3ª Rodada – Folga
4ª Rodada – Malgi 8×2 Associação Dal Molin de Futsal (RO) – (29/11/17, 20h)
5ª Rodada – Associação Leoas da Serra (SC) 2×2 Malgi – (30/11/17, 23h)

Artilheiras
Jaque – 4 Gols
Dudinha – 3 Gols
Larissa – 2 Gols
Evelyn – 2 Gols

Líderes de assistências
Larissa – 2
Jaque – 2

MALGI INDICADA AO PRÊMIO DE MELHORES DO ESTADUAL

Uma das melhores equipes do Estadual 2017, a Malgi também se destacou individualmente na competição e tem nove indicações ao prêmio de melhores do Estadual 2017, realizada pelo Blog do Sandro.

Dona de uma das melhores defesas do Estadual com apenas 33 gols sofridos, a Malgi tem na goleira Gleiskelly (Lele) a indicação para melhor da posição. A goleira da Malgi também disputa o prêmio de revelação do campeonato. Sua principal concorrente na disputa do prêmio é a ala Jaque da Celemaster, que hoje disputa a taça Brasil Sub-20 pela Malgi.

Principal jogadora da Malgi no Estadual, autora de 16 gols e 7 assistências em 16 partidas, a fixa Keka também concorre a dois prêmios. O de melhor fixa e o principal prêmio, o de craque da competição.

Alem de lele e Keka, a Malgi tem Dudinha e Paola indicadas ao prêmio de melhores alas da competição. Juntas, as duas balançaram as redes 17 vezes no Estadual, Paola ainda deu 6 assistências para gols das companheiras.

As indicações da Malgi não terminam por ai, autora do primeiro gol contra a Celemaster na semifinal em Uruguaiana, a pivô Thais, concorre como melhor da posição. Ela terá a dura concorrência da Argentina Becha, artilheira do Estadual. O técnico Maurício Giusti também está concorrendo, como o melhor técnico  e a comissão técnica da Malgi como a melhor da competição.

O anuncio dos vencedores será divulgado no dia 10 de dezembro em Rio Pardo, em um evento de confraternização realizado na sede do Clube literário de Rio Pardo.

Confira os indicados:

Melhor Goleira
Lais (Celemaster)
Lele (Malgi)
Lídia (Cometa)
Claudia (Cometa)
Nathalia (AMF)
Renata (ACBF)
Bruna (ACBF)

Melhor Fixa
Dani Sousa (Celemaster)
Keka (Malgi)
Mayara (ACBF)
Dani Fleitas (Celemaster)
Laine (Cometa)

Melhor Ala
Pati (ACBF)
Marcella (ACBF)
Jaque (Celemaster)
Mariane (Cometa)
Dudinha (Malgi)
Gabriela (Celemaster)
Carla Dalla Cort (Cometa)
Paola (Malgi)

Melhor Pivô
Becha (Celemaster)
Patrícia (ACBF)
Elaine (Cometa)
Thais (Malgi)
Cota (ACBF)

Revelação
Carla (Cometa)
Lele (Malgi)
Jaque (Celemaster)
Patrícia (ACBF)
Nathalia (AMF)

Craque
Gabi (ACBF)
Dani Sousa (Celemaster)
Keka (Malgi)
Elaine (Cometa)

Melhor Técnico
Jeferson (Cometa)
André Malfussi (Celemaster)
Henrique (ACBF)
Maurício Giusti (Malgi)

Melhor Comissão Técnica
Celemaster
ACBF
Malgi
Cometa

VITÓRIA EM GRANDE ESTILO

A Malgi deu um passo importante para buscar a classificação para semifinal da Taça Brasil Sub-20, que está sendo disputada no Amazonas. As comandadas de Maurício Giusti venceram a Associação Dal Molin de Futsal, representante de Rondônia por 8 a 2, em uma noite onde a equipe criou muitas oportunidades de gol.

Precisando vencer para buscar a classificação, a Malgi começou a partida em cima do Dal Molin, logo no primeiro minuto de jogo Paola recebeu na entrada da área girou e chutou no canto para defesa da goleira. No lance seguinte Jaque chutou forte e a bola passou raspando a trave. A ala chegou com perigo mais uma vez pouco depois, Jaque recebeu dentro da área mas sua finalização parou na goleira.

A pressão da Malgi deu resultado logo na sequencia. Bruna recebeu de jaque dentro da área e chutou colocado no canto para abrir o placar. Melhor em quadra a Malgi por muito pouco não ampliou o placar com Keka, que em duas oportunidades parou na goleira adversária. Se a capitã não conseguiu passar pela goleira Thais, repetiu o feito da semifinal do Estadual e de falta marcou o segundo.

Era uma partida de ataque contra defesa, enquanto a Malgi criava diversas oportunidades de gol, a equipe de Rondônia não assustava a goleira Gleiskelly. Foram aos menos mais 5 chances claras de gols desperdiçadas pela Malgi no primeiro tempo, mas a bola não entrou e a primeira etapa terminou 2 a 0.

No segundo tempo a Malgi voltou com o mesmo impeto e logo no primeiro minuto ampliar a vantagem, em rápido contra ataque, Jaque fez grande jogada e chutou para defesa da goleira, no rebote Evelyn marcou de cabeça o terceiro. Pouco depois Keka fez grande jogada e chutou cruzado, Dudinha de barriga marcou o quarto. No lance seguinte, Jaque fez roubou bola da defesa e chutou no canto para marcar o quinto. A pressão da Malgi era intensa e Dudinha Mais uma vez apareceu para marcar, deixando o placar em 6 a 0.

Numa das poucas oportunidades que teve na partida, o Dal Molin chegou ao seu gol, em rápido contra ataque. O gol adversário não abalou a Malgi que não demorou a ampliar o placar, mais uma vez com Dudinha, que chegou ao seu hat-trick após passe de Thais. As rondonienses chegaram ao segundo após novo contra ataque, mas Larissa no final definiu o placar após completar cruzamento de Paola de carrinho.

Com a vitória a Malgi chega aos seis pontos em três jogos e divide a liderança com Minas/Icesp Brasília (DF), Arsenal (DF) e Leoas da Serra (SC), este último o adversário desta quinta-feira. A partir das 23 horas (Brasília), 21 horas (local), Malgi e Leoas da Serra duelam por uma das duas vagas na semifinal da Taça Brasil Sub-20.

Para chegar a próxima fase, a Malgi precisa vencer o Leoas da Serra ou empatar e torcer por uma improvável derrota do Minas/Icesp Brasília (DF) para o Dal Molin (RO).

Foto: Emanuel Mendes Siqueira/Emanuel Sports & Marketing

#SejaSócio #JogueJunto